Intensa programação paralela acompanha a 4ª edição da ArtRio, que começa hoje

ArtRio 2014

Galerias internacionais como a Galeria Filomena Soares, de Lisboa, participam da ArtRio

Com três feiras paralelas e inúmeras exposições especiais nos museus, instituições e galerias da cidade, a ArtRio começa muito bem acompanhada.

A ArtRio 2014 vai ocupar cinco armazéns do Píer Mauá, somando mais de 20.000 m². Serão mais de 100 galerias, de 13 países, participando da feira que hoje já é reconhecida como uma das mais importantes do mundo no segmento. Hoje acontece a abertura para convidados, e o público em geral poderá circular entre amanhã e domingo, dia 14.

No mesmo período, outras três feiras acontecem na cidade: a Artigo, que oferece obras a preços mais acessíveis; a IDA, feira de design voltada a jovens galerias e criadores; e a ArtRua, com o que há de mais novo e interessante no mercado de arte urbana.

Confira também a programação em cartaz nos museus e instituições da cidade:

MUSEU DE ARTE MODERNA – MAM
Artevida (política)
A relação entre arte e vida dos anos 1950, 1960, 1970 ao início da década de 1980, tendo as práticas de arte brasileiras como ponto de partida.

Amilcar de Castro
A exposição pretende apresentar um resumo da obra do artista com curadoria de Paulo Sérgio Duarte.

Novas aquisições
Evento tradicional no cenário artístico carioca, a coletiva revela as tendências da arte brasileira.

Museu encantador
Projeto de arte coletivo de performance e debate.

PIPA 2014
Obras de um dos mais importantes prêmios de arte contemporânea brasileira.

Grilagem
Trabalho de caráter instalativo, que consiste na falsificação de diversos trabalhos geométricos e uma intervenção sobre os mesmos.

MUSEU DE ARTE DO RIO – MAR
Tatu: futebol, adversidade e cultura da caatinga
Surpresas e questionamento crítico ao abordar o universo simbólico do futebol e da caatinga, o habitat natural e exclusivo do tatu-bola.

Do Valongo à Favela: imaginário e periferia
Em uma abordagem transversal, a mostra traça um panorama desta região da cidade por meio de 200 peças, entre objetos, iconografia, documentos e obras de arte contemporânea.

MUSEU NACIONAL DE BELAS ARTES – MNBA
Candido Portinari – doação Finep
Mostra com 65 obras restauradas de Portinari, que foram doadas ao museu.

Se essa noite fosse água – Sequências
Exposição individual do paulistano Sergio Fingermann.

CASA DAROS
Ilusões
Coletiva com obras de Mauricio Alejo, Luis Camnitzer, José Damasceno, Leandro Erlich, Los Carpinteros, Fernando Pareja & Leidy Chavez, Liliana Poter, Teresa Serrano e José Toirac.

MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA DE NITERÓI – MAC
Biografia Incompleta
O museu comemora 10 anos com uma exposição de Joseph Beuys.

CASA FRANÇA-BRASIL
Artevida (corpo)
Mostra reúne obras interativas, articuladas e participativas, que falam do autorretrato e do corpo em transformação.

ESCOLA DE ARTES VISUAIS – EAV PARQUE LAGE
Artevida (parque)
Coletiva reúne obras da artista maceioense Martha Araújo no palacete neoclássico, a instalação da japonesa Tsuruko Yamazaki no parque e um projeto do artista Georges Adéagbo, nas Cavalariças.

INSTITUTO MOREIRA SALLES
Desenhos na Casa da Gávea – Richard Serra
Antes de se notabilizar por suas esculturas de grande porte, o americano já se dedicava à ilustração. Nessa exposição, 38 imponentes trabalhos distribuídos pelas paredes foram escolhidos pelo próprio artista, que esteve no imóvel antes de definir a seleção e voltou para acompanhar a montagem da mostra

LARGO DAS ARTES
To See What is Coming
A exposição coletiva é o resultado do workshop “Práticas Curatoriais Contemporâneas”.

CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL
Cabeça – Milton Machado
Primeira retrospectiva do artista brasileiro, que marcar 45 anos de trabalho. São mais de 100 peças, entre desenhos, pinturas, fotografias, vídeos e esculturas.

Salvador Dalí
A exposição traz cerca de 150 obras do artista, entre pinturas, gravuras, documentos, fotografias e ilustrações. Abrange diversas fases criativas do artista, com ênfase para o período surrealista.

CAIXA CULTURAL
A Magia de Miró, desenhos e gravuras
Um recorte inédito da obra de Joan Miró (1893 – 1983) com 69 trabalhos do artista espanhol e 23 fotografias em preto e branco que o registram durante o processo de criação.

PAÇO IMPERIAL
Traços de Niemeyer
Primeira mostra dedicada a Oscar Niemeyer desde sua morte, em dezembro de 2012, aos 104 anos. São cerca de 300 itens, entre plantas, croquis, maquetes, fotografias e vídeos.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s