Depois de NY e Londres, galeria David Zwirner deve chegar a Hong Kong

0a98674a-c56d-11e5-bbaf-0bb83de8b470_486x

Interior do novo prédio da David Zwirner em Nova York

David Zwirner, o terceiro nome mais influente no cenário de arte contemporânea mundial, está em busca de um espaço em Hong Kong para abrir sua primeira galeria na Ásia.

Segundo o jornal “South China Morning Post”, o galerista disse durante um encontro com clientes locais: “Há dois anos, pensávamos que viríamos apenas para a feira de arte. Agora, estou convencido de que precisamos de uma galeria aqui”.

A chegada de Zwirner a Hong Kong seria um voto de confiança nas perspectivas em longo prazo do mercado de arte local, em meio a incerteza econômica e a crescente concorrência de outras cidades da região.

Um dos entraves, até o momento, é a escolha adequada do espaço que vai abrigar os artistas de peso de seu acervo, como Yayoi Kusama, Richard Serra e Jeff Koons, entre tantos outros. Em Nova York, por exemplo, a galeria ocupa um prédio de cinco andares e 3.000 m².

Se os planos se concretizarem, a David Zwirner segue os passos de outras grandes galerias internacionais: Hong Kong já abriga filiais da Gagosian, White Cube e Pace Gallery.

Com informações do South China Morning Post e Artnet

Anúncios

As 500 melhores galerias de arte de 2015 – Brasil

Legenda: “Traduções: Nelson Leirner leitor dos outros e de si mesmo”, exposição em cartaz na Galeria Vermelho. Foto: Ding Musa / Divulgação

O mundo da arte continua a sua expansão sem precedentes ao longo de 2015. São feiras maiores, vendas mais significativas e muitos talentos em ebulição. Mas, apesar da abundância de novas maneiras em exibir, vender e descobrir a arte, algumas galerias permanecem no epicentro desta cena, mesmo com as mudanças constantes.

A edição especial de setembro da Modern Painters traz uma seleção que explora as 500 melhores galerias de arte dos seis continentes, espalhadas por 36 países. Além disso, a edição traz um especial com os 50 galeristas mais influentes – entre eles, a brasileira Nara Roesler – além das tendências regionais que afetam o mercado cada vez mais global.

Abaixo, separamos a lista das melhores galerias brasileiras, de acordo com a publicação:

A GENTIL CARIOCA
Rio de Janeiro

ANITA SCHWARTZ GALERIA DE ARTE
Rio de Janeiro

CARBONO GALERIA
São Paulo

CASA TRIANGULO
São Paulo

FORTES VILACA
São Paulo

GALERIA LEME
São Paulo

GALERIA LUISA STRINA
São Paulo

GALERIA MARILIA RAZUK
São Paulo

GALERIA MILLAN
São Paulo

GALERIA RAQUEL ARNAUD
São Paulo

LUCIANA BRITO GALERIA
São Paulo

MENDES WOOD DM
São Paulo

VERMELHO
São Paulo

Neste link você encontra todas as listas das galerias já publicadas, divididas por região.

Via Blouin ArtInfo

Fique de olho na programação das atrações paralelas à Art Rio 2015

Daniel Senise, National Gallery (Washington). O artista estará em duas exposições simultâneas, no Espaço Oi Flamengo e na galeria Silvia Cintra

Nesta semana, a cidade do Rio de Janeiro recebe a 5ª edição de sua feira de arte internacional: a ArtRio. Entre os dias 9 e 13/9 o Píer Mauá recebe 78 galerias, de 11 países do mundo todo. Mais de 2.000 artistas exibirão suas obras de arte moderna e contemporânea em uma área de 9 mil m².

Os visitantes que estarão na cidade por ocasião da feira vão encontrar à sua disposição um vasto cardápio de exposições e eventos paralelos. Confira alguns dos destaques:

Terça-feira, dia 8
14h00 – Espaço Oi Futuro Flamengo: Visita guiada pela exposição “Quase Aqui”, de Daniel Senise
16h30 – Abertura Jardim de Arte Pública Bradesco ArtRio com curadoria de Isabel Portella apresentando obras de 15 artistas brasileiros no Jardim do Museu de República
19h00 – Anita Schwartz Galeria de Arte: Abertura da exposição individual de Wanda Pimentel
20h00 – Parque Lage: Abertura da exposição “Quarta-feira de cinzas”, com curadoria de Luisa Duarte

Quarta-feira, dia 9
artRio Preview: Abertura exclusiva para os convidados VIPs

Quinta-feira, dia 10
10h00 – Silvia Cintra + Box 4: Brunch e visita guiada à exposição de Daniel Senise
12h00 – Chácara do Céu: Abertura da exposição e lançamento da Gravura de Regina Silveira, no âmbito do projeto “Amigos da Gravura”
19h00 – Fundação Eva Klabin: Abertura da exposição de Eduardo Berliner na 20ª edição do Projeto Respiração seguida de visita guiada com o artista e com o curador Marcio Doctors

Sexta-feira, dia 11
10h00 – Casa França Brasil: visita guiada às exposições do espaço
11h00 – Mul.ti.plo Espaço Arte: Brunch e visita guiada à exposição do artista Emmanuel Nassar
12h00 – Museu de Arte Moderna – MAM: Visita guiada às exposições da instituição com os curadores Luiz Camillo Osório e Marta Mestre
19h00 – A Gentil Carioca: Abertura da exposição Chão de Estrelas de José Bento com curadoria de Ricardo Sardenberg e festa de 12 anos da galeria

Sábado, dia 12
11h00 – ArtRio: Horário exclusivo para convidados VIPs
11h00 – Galeria Nara Roesler: Brunch e visita à exposição de Antônio Dias

Domingo, dia 13
11h00 – Paço Imperial: Visita guiada às exposições do espaço com os Curadores Bia Lessa e Marcelo Campos e os artistas Efrain Almeida e Ricardo Ventura

Com informações da Art Rio e Mapa das Artes

SP-Arte agita o mundo das artes em São Paulo, dentro e fora do Pavilhão da Bienal

 A SP-Arte já se consagrou como a feira mais importante do circuito internacional abaixo da linha do Equador. E além de trazer as galerias e artistas mais importantes do mundo para expor seus trabalhos no Pavilhão da Bienal, movimentando altas somas e conquistando um público cada vez maior, a feira agitou a vida dos colecionadores, profissionais e apreciadores da arte na cidade.

Ao longo da semana, diversas galerias internacionais, presentes na feira, receberam convidados VIPs em jantares prestigiadíssimos. Dentre elas, Lisson Gallery e David Zwirner receberam um grupo seleto em jantares no Fasano. A austríaca Thaddaeus Ropac ocupou o espaço do Dalva e Dito, de Alex Atala, e os convidados da noite foram recepcionados pelo próprio dono da galeria. A residência de Kim Esteve e Barbara Leary, na Chácara Flora, foi o palco da recepção oferecida pela Pace Gallery, enquanto a Gagosian recebeu colecionadores e artistas no Manioca.

As galerias paulistanas também aproveitaram a efervescência do mundo das artes e capricharam nas exposições e eventos paralelos. Nara Roesler e Mendes Wood também ofereceram jantares; Marilia Razuk e FASS apostaram em cafés da manhã e Luciana Brito, Tranversal e Millan receberam seus VIPs em brunches.

Dezenas de vernissages polvilharam o roteiro cultural. Destaque para as mostras “O Gesto e o Signo”, na White Cube São Paulo; Olafur Eliasson, na Galeria Luisa Strina e na Fortes Vilaça; e AVAF, na Casa Triângulo. Itaú Cultural, Pinacoteca do Estado e Instituto Tomie Ohtake também tiveram aberturas de exposições neste período.

SP-ARTE anuncia participantes da sua nona edição

Entre os dias 3 e 7 de abril o Pavilhão da Bienal do Parque Ibirapuera, em São Paulo, vai abrigar a 9ª edição da SP-Arte, uma das feiras de arte mais importante da América Latina. Este ano estarão presentes 120 galerias: 82 brasileiras e 41 internacionais.

Durante o período da feira, os visitantes poderão desfrutar também de outros outros eventos em paralelo que tomam conta da cidade. Este ano, a fabulosa Casa de Vidro, antiga residência de Lina Bo Bardi, reabre suas portas para exibição, com curadoria de Habs Ulrich Obrist. Além desta, “O Ar Mais Próximo e Outras Materias”, exposição extensa com obras de Waltercio Caldas, bem como “Recuo”, instalação de Iran do Espírito Santo na Capela do Morumbi, poderão ser vistas pela cidade.

A programação da feira ainda traz Diálogos (palestras organizadas por Adriano Pedrosa com galeristas, curadores e colecionadores); o Laboratório Curatorial, onde quatro jovens curadores foram selecionados para organizar exposições individuais na SP-Arte; e o Cluster Editorial.

Confira a lista dos expositores de 2013
1500, Rio de Janeiro
A Gentil Carioca, Rio de Janeiro
A Ponte, São Paulo
AFA, Santiago
Almeida e Dale, São Paulo
AM Horizonte, Belo Horizonte
Amarelonegro, Rio de Janeiro
Amparo 60, Recife
Anita Beckers, Frankfurt
Anita Schwartz, Rio de Janeiro
Art: Concept, Paris
Arte 57, São Paulo
Arteedições, São Paulo
Athena, Rio de Janeiro
Athena Contemporânea, Rio de Janeiro
Babel, São Paulo
Baginski, Lisboa
Banditrazos-Nuvem, São Paulo
Baró, São Paulo
Berenice Arvani, São Paulo
Bergamin, São Paulo
Bolsa de Arte, Porto Alegre
Carreras Mugica, Bilbao
Casa Triângulo, São Paulo
Casas Riegner, Bogota
Celma Albuquerque, Belo Horizonte
Central, São Paulo
Choque Cultural, São Paulo
Christopher Grimes, Santa Monica
Continua, San Gimignano
Dan, São Paulo
Dan Contemporânea, São Paulo
David Zwirner, New York
DConcept, São Paulo
Eduardo Fernandes, São Paulo
El Museo, Bogota
Elba Benitez, Madrid
Eliana Benchimol, Rio de Janeiro
Elvira González, Madrid
Emma Thomas, São Paulo
Estação, São Paulo
Fass, São Paulo
Feldbuschwiesner, Berlin
Fernando Pradilla, Madrid
Fólio, São Paulo
Fortes Vilaça, São Paulo
Franco Noero, Turin
Gagosian, New York
Gávea, Rio de Janeiro
Gregor Podnar, Berlin
Gustavo Rebello, Rio de Janeiro
Hauser & Wirth, London
Hilda Araújo, São Paulo
Inox, Rio de Janeiro
Jaqueline Martins, São Paulo
Kaikai Kiki, Tokyo
Klaus Steinmetz, San José
La Caja Negra, Madrid
La Casona, Havana
Laura Marsiaj, Rio de Janeiro
Leme, São Paulo
Lemos de Sá, Nova Lima
Lia Rumma, Milan
Lisson, London
Logo, São Paulo
Luciana Brito, São Paulo
Luciana Caravello, Rio de Janeiro
Luisa Strina, São Paulo
Lume Photos, São Paulo
Lurixs, Rio de Janiero
Marcelo Guarnieri, Ribeirão Preto
Marcia Barrozo do Amaral, Rio de Janeiro
Marilia Razuk, São Paulo
Max Wigram, London
Mendes Wood DM, São Paulo
Mercedes Viegas, Rio de Janiero
Millan, São Paulo
Multiplique Boutique, São Paulo
Mul.ti.plo, Rio de Janeiro
Murilo Castro, Belo Horizonte
Nara Roesler, São Paulo
Neugerriemschneider, Berlin
Oscar Cruz, São Paulo
Pace, London
Papel Assinado, São Paulo
Paralelo, São Paulo
Parra & Romero, Madrid
Paulo Darzé, Salvador
Paulo Kuczynski, São Paulo
Pequena Galeria 18, Rio de Janeiro
Peter Kilchmann, Zurich
Pilar, São Paulo
Pinakotheke Cultural, Rio de Janeiro, São Paulo
Polígrafa, Barcelona
Progetti, Rio de Janeiro
Raquel Arnaud, São Paulo
Ronie Mesquita, Rio de Janeiro
Sergio Gonçalves, Rio de Janeiro
Silvia Cintra + Box4, Rio de Janeiro
SIM, Curitiba
Simões de Assis, Curitiba
Sprovieri, London
Spruth Magers, Berlin
Steiner, São Paulo
Studio Nobrega, São Paulo
Sur, Montevideo
Swedish Photography, Berlin
Sylvio Nery, São Paulo
Tempo, Rio de Janeiro
Thaddaeus Ropac, Salzburg
Transversal, São Paulo
Untitled, New York
Van de Weghe, New York
Vera Cortês, Lisboa
Vermelho, São Paulo
Virgilio, São Paulo
White Cube, London
Xippas, Paris
Ybakatu, Curitiba
Yvon Lambert, Paris
Zipper, São Paulo

Fonte: Art Agenda

Contagem regressiva para a SP-Arte

Tudo pronto, à espera do início da feira de maior destaque do Brasil e, quem sabe, da América Latina! Na semana que vem, São Paulo vai fervilhar com a SP-Arte e todos os eventos paralelos que acompanham a feira, a cada ano que passa.

Cada vez mais forte e expressiva, a feira deste ano, que acontece entre 12 a 15 de maio no Pavilhão da Bienal do Parque do Ibirapuera, reunirá 87 expositores de 8 estados brasileiros e de 7 países. Dentre as 15 galerias estrangeiras, cinco delas estarão pela primeira vez no Brasil: Elba Benítez [Madrid/ES], La Fabrica (Madrid/ES), Filomena Soares [Lisboa/PT], Vera Cortês (Lisboa/PT), Hasted Kraeutler [NY/USA], Leon Tovar [NY/USA].

Além disso, todos os dias acontecem mesas redondas com convidados (a entrada é livre e respeitará a ordem de chegada do público. Não é necessário fazer inscrição).

Confira as galerias participantes da SP-Arte 2011 e a programação das palestras

Continuar lendo

Gagosian abre galeria em local privilegiado de Paris

O marchand Larry Gagosian revelou finalmente seus planos sobre a sua nova galeria em Paris, anunciando que vai inaugurar no coração do “triângulo de ouro” da cidade, no final dos Champs Élysées, no dia 20 de outubro.

A nona galeria de Gagosian situa-se num antigo hotel particular no 4 da Rue Ponthieu. As obras irão dar origem a um espaço de exposição de cerca de 353 metros quadrados em dois pisos. O arquiteto francês Jean-François Bodin e o arquiteto londrino Caruso St. John colaboraram no design da nova galeria.

A galeria de Paris irá abrir na véspera da feira de arte moderna e contemporânea FIAC, onde a Gagosian terá um stand completo pela primeira vez – porém não divulgou ainda o que planeja expor lá.

Fonte: www.artinfo.com

Vernissages internacionais da semana

Stephen Friedman Gallery, Londres
Claire Barclay | de 3/9 a 2/10

White Cube Mason’s Yard, Londres
Darren Almond | de 3/9 a 2/10

Galerie Akinci, Amsterdã
Roger Cremers, Charlotte Schleiffert | de 3/9 a 2/10

Anthony Reynolds Gallery, Londres
Andrew Mansfield | de 3/9 a 2/10

Konrad Fischer Galerie, Düsseldorf
Tony Cragg, Juergen Staack | de 3/9 a 16/10

Galerie EIGEN + ART Berlin
Tim Eitel | de 4/9 a 23/10

Galerie Adler, Frankfurt
Everything is possible – everything is done (coletiva) | de 4/9 a 23/10

Pekin Fine Arts, Beijing
History Lessons (coletiva) | de 4/9 a 15/11

Johnen Galerie, Berlim
Olaf Holzapfel | de 4/9 a 2/10

Hauser & Wirth New York
Anj Smith | de 7/9 a 2/10

Gagosian Gallery Davies Street, Londres
Rachel Whiteread | de 7/9 a 2/10

Alexander and Bonin, Nova York
Sean Scully | de 7/9 a 9/10

Alexander and Bonin, Nova York
Willie Doherty, Victor Grippo and Sylvia Plimack Mangold | de 7/9 a 9/10

Alison Jacques Gallery, Londres
Lygia Clark | de 7/9 a 10/10

White Cube Hoxton Square, Londres
Kris Martin | de 8/9 a 9/10

Exposição de Louise Bourgeois abre novo espaço da Hauser & Wirth Gallery

Uma das galerias mais renomadas do mundo, a Hauser & Wirth anunciou a inauguração de seu novo espaço em Londres, na 23 Savile Row, com uma exposição solo de Louise Bourgeois. A mostra contará com mais de 70 desenhos em tecido produzidos entre 2002 e 2008, além de 4 enormes esculturas.


Louise Bourgeois, Untitled, 2005. Tecido, 41.2 x 53.9 cm
© Louise Bourgeois. Courtesy the artist and Hauser & Wirth.
Photo: Christopher Burke

Feitos a partir de roupas e outros tecidos domésticos acumulados ao longo de décadas, as obras de Bourgeois são abstratas, ainda que intensamente pessoais, e fazem alusões aos usos anteriores de seus materiais.

Com curadoria de Germano Celant, a exposição fica em cartaz de 5 de junho a 12 de setembro e será acompanhada por um catálogo substancial, publicado por Skira, cujo foco são os aspectos principais da prática de Bourgeois.

A maior exposição solo da artista está sendo preparada para o ano que vem. “Louise Bourgeois: The Return of the Repressed” será exibida na América do Sul em 2011, abrindo em março na Fundación Proa, em Buenos Aires, e viajando depois para o Instituto Tomie Ohtake (SP) e Museu de Arte Moderna (RJ).