Christie’s dedica dois dias às vendas de Arte Latino Americana

“Espelho D’Água”, de Adriana Varejão, tem preço inicial estimado entre US$ 300 e US$ 500 mil

Em meio a um crescente interesse pela arte latino-americana nos principais museus americanos e europeus, a Christie’s (Nova York, Rockefeller Plaza) oferece em dois dias lotes excepcionais de artistas que incluem Joaquín Torres-García, Matta, Fernando Botero, Rufino Tamayo, Claudio Bravo e Wifredo Lam. As obras oferecidas nas vendas dos dias 20 e 21 de novembro vão desde o período colonial ao contemporâneo, incluindo um grande número de obras importantes de alguns dos principais artistas brasileiros da atualidade.

Os principais destaques incluem uma obra ricamente colorida de Tamayo, “Tres Personajes” (1970), estimada entre US$ 1,5 e US$ 2 milhões. Outro destaque é “Composition Nord – Art Constructif” (1931), de Torres-Garcia, com valor inicial calculado entre US$ 1,5 e US$ 2 milhões. Além desta, outra pintura importante de Torres-Garcia será oferecida: “Constructif avec poisson ocre” (1929), com valor inicial entre US$ 600 e US$ 800 mil.

Na seleção de obras de artistas brasileiros, destacam-se “Espelho D’Água” (2008) de Adriana Varejão, com estimativa entre US$ 300 e US$ 500 mil; uma obra sem título de Os Gêmeos, com valor inicial entre US$ 200 e US$ 300 mil; e “A Praça” (1985), de Luiz Zerbini, com estimativa entre US$ 80 e US$ 120 mil. Obras de artistas como Di Cavalcanti, Volpi, Beatriz Milhazes, Vik Muniz, Cildo Meireles, Leda Catunda, Tunga, Antonio Dias, e Waltercio Caldas também vão a leilão.

Com informações da Christie’s e Artdaily

Lançamento | VIK MUNIZ | “Lovebugs”

A Carbono Galeria tem o prazer de apresentar Lovebugs, a nova edição do consagrado artista Vik Muniz.

Em passagem pela Flórida, Vik Muniz presenciou um fenômeno que lhe deixou bastante curioso: no período da primavera e do outono, milhares de insetos se reproduzem. É impossível não reparar, já que o ato é realizado em pleno vôo. Foi pensando nisso que o artista criou a obra Lovebugs.

A série traz doze diferentes posições do Kama Sutra compostas por imagens dos “lovebugs” em diversos ângulos.

lovebugs lovebugs2

Vik Muniz em exposição na Ben Brown Fine Arts de Hong Kong

Hong Kong Postcard (Postcards from Nowhere), 2014, 180,3 x 260,4 cm

Pela segunda vez a galeria Ben Brown Fine Arts apresenta em Hong Kong as obras do brasileiro Vik Muniz. Desta vez, a exposição apresenta suas séries mais recentes, Postcards from Nowhere e Album, nas quais o artista reuniu e utilizou fotografias e cartões postais antigos para criar colagens de tamanhos gigantescos. As obras oferecem uma reflexão sobre o pessoal contra o coletivo, o precioso contra o efêmero, a nostalgia e a modernidade.

Vik Muniz acumulou ao longo dos anos um enorme acervo de fotografias de famílias, fascinado pelo valor altamente pessoal destes objetos que retratam momentos marcantes de vidas anônimas. Durante o século XX, as famílias transformavam as fotografias em objetos tangíveis, preservados para a posteridade. Com o advento da tecnologia digital, fotografias e álbuns tornaram-se cada vez mais obsoletos, enquanto as imagens são facilmente manipuladas. Muniz abraça esta dualidade na série Album, permitindo que o espectador aprecie cada detalhe de suas intrincadas colagens. Assim, em Over There, Boxer e Summer (todas de 2014), o artista usou fragmentos de fotografias em sépia ou preto e branco para criar seus próprios instantâneos universalmente nostálgicos.

Em Postcard from Nowhere ele explora ideias semelhantes de memória, nostalgia e intimidade através de sua coleção de cartões postais reaproveitada para criar vistas vibrantes de cidades e monumentos emblemáticos do mundo todo, incluindo as skylines de Hong Kong e Shangai. Além das paisagens urbanas, Hula Dancer, Waterskiin e West Palm Beach (todas de 2014) são recriações de cartões postais que sugerem férias idílicas, com animais exóticos e mulheres sorridentes em trajes festivos.

A exposição permanece em cartaz até 4 de março de 2015

Com informações da ArtDaily e Ben Brown Fine Arts

E-magazine #271 – Art Basel Miami Beach | Vik Muniz | Phillips em Hong Kong

– Art Basel Miami Beach anuncia a lista de galerias participantes;
– Vik Muniz cria escola de artes visuais e tecnologia em Favela Carioca;
– Phillips anuncia planos para abertura de sede em Hong Kong;

E mais: notícias da semana, agenda de exposições no Brasil e no Mundo, calendário de feiras internacionais e leilões de arte, além da seção “Em cartaz”, com as principais mostras em cartaz. Para ler na íntegra, clique aqui.

Ainda não recebe gratuitamente a nossa e-magazine? Então assine: http://www.touchofclass.com.br/cadastro.html

E-magazine #270 – Programação paralela a ArtRio | Turner | Vik Muniz

– Intensa programação paralela acompanha a 4ª edição da ArtRio, que começa hoje;
– Obra de Turner vai a leilão pela primeira vez desde 1878;
–  Individual com obras inéditas de Vik Muniz na Nara Roesler do Rio de Janeiro;

E mais: notícias da semana, agenda de exposições no Brasil e no Mundo, calendário de feiras internacionais e leilões de arte, além da seção “Em cartaz”, com as principais mostras em cartaz. Para ler na íntegra, clique aqui.

Ainda não recebe gratuitamente a nossa e-magazine? Então assine: http://www.touchofclass.com.br/cadastro.html

Vik Muniz & Tal Danino — conversa | Galeria Nara Roesler | 16.08.2014

vikmuniz

A obra de Vik Muniz vai muito além do que o olho humano pode ver. Quem se depara com suas fotografias em grandes dimensões pode perceber que suas superfícies são apenas as mais evidentes de várias outras camadas, o que faz do artista um dos nomes mais conhecidos da arte ao redor do mundo. Partindo de uma residência no Massachussets Institute of Technology (MIT), ele radicalizou sua pesquisa de materiais com o uso de alta tecnologia para desenvolver suas duas novas séries, Sandcastles e Colonies. Ambas são a fusão da engenhosidade artística e do trabalho científico de ponta de nomes especializados, como o bioengenheiro Tal Danino. O cientista é o convidado de Vik Muniz na conversa que a Galeria Nara Roesler promove no dia 16.08, às 11h30, quando o artista traz ao público os bastidores dessa empreitada inovadora.

Danino e Vik Muniz trabalharam juntos na criação de sua série Colonies. Passando pelo processo de trazer o microscópico à visão comum, essa série é fruto de uma pesquisa que envolve bioengenharia de ponta. Tal Danino tem vasta pesquisa sobre as dinâmicas espaço-temporais de sistemas biológicos artificiais para aplicação precursora em energia, meio-ambiente e saúde. Uma de suas frentes é a identificação de bactérias que podem ajudar no diagnóstico de câncer. As imagens de padrões criados por determinados tipos de células com câncer, como as do fígado, fascinou Vik Muniz, que as reproduziu em grande escala. O resultado lembra estampas de arabescos e adamascados decorativos.

Já em Sandcastles, a bioengenharia cede lugar ao desenvolvimento eletrônico em nanoescala. Isso porque os trabalhos consistem em fotografias de microscópicos grãos de areia, nos quais são gravados castelos europeus. Esses castelos foram desenhados pelo próprio Vik com ajuda da camera lucida, um equipamento que projeta sobre o papel o objeto a ser reproduzido por meio de um jogo de espelhos. Com ele, o observador só precisa passar o risco sobre a imagem que já está refletida no papel.

Mas como gravar em grãos de areia desenhos complexos de grandes castelos? Foi nessa etapa do processo que outro profissional do MIT, Marcelo Coelho, foi de inestimável colaboração. O artista e designer desenvolveu em uma máquina do MIT a técnica de gravação dos desenhos nas minúsculas bases, com o uso de um feixe de ion focalizado e um microscópio escaneador de elétrons. Vik eternizou as gravuras em fotografias em negativo ampliadas em tamanhos colossais.

Com essas premissas, a conversa com Vik Muniz e Tal Danino promete ser uma instigante viagem aos limites da visão humana e às formas de subvertê-los, tornando evidentes nuances e padronagens impossíveis de serem alcançadas a olho nu. Assim, o artista amplia sua pesquisa artística sobre a representação, provando mais uma vez que nem tudo que vemos é exatamente o que parece ser.

E-magazine #265 – Vik Muniz| Art Everywhere Us |TATE 2015

– Vik Muniz cria obra com a colaboração da comunidade local para a Bienal de Vancouver;
– Começa a Art Everywhere Us, maior exposição de arte ao ar livre do mundo;
– Calder, Pollock e Barbara Hepworth são alguns dos destaques da programação da Tate para 2015;

E mais: notícias da semana, agenda de exposições no Brasil e no Mundo, calendário de feiras internacionais e leilões de arte, além da seção “Em cartaz”, com as principais mostras em cartaz. Para ler na íntegra, clique aqui.

Ainda não recebe gratuitamente a nossa e-magazine? Então assine: http://www.touchofclass.com.br/cadastro.html

E-magazine #262 – Genialidade alemã nas artes | Vik Muniz |Esculturas de Damien Hirst e Martin Creed

– Após final da Copa do Mundo, jornal Inglês The Guardian destaca a genialidade alemã também nas artes;
–  Vik Muniz expõe séries no festival Les Rencontres D’Arles, na França;
–  Em Londres, circuito com três quilômetros abrigará esculturas de Damien Hirst e Martin Creed;

E mais: notícias da semana, agenda de exposições no Brasil e no Mundo, calendário de feiras internacionais e leilões de arte, além da seção “Em cartaz”, com as principais mostras em cartaz. Para ler na íntegra, clique aqui.

Ainda não recebe gratuitamente a nossa e-magazine? Então assine: http://www.touchofclass.com.br/cadastro.html

E-magazine #258 – Art Basel | Documentário de Vik Muniz |Os Gêmeos

– A Feira Art Basel, na Suíça, atrai milionários, colecionadores e apaixonados por arte de várias partes do mundo;
– “This is not a ball”, novo documentário de Vik Muniz que explora o significado da bola, como conceito e objeto;
– “A Ópera da Lua”, da dupla Os Gêmeos, em cartaz na Fortes Vilaça;

E mais: notícias da semana, agenda de exposições no Brasil e no Mundo, calendário de feiras internacionais e leilões de arte, além da seção “Em cartaz”, com as principais mostras em cartaz. Para ler na íntegra, clique aqui.

Ainda não recebe gratuitamente a nossa e-magazine? Então assine: http://www.touchofclass.com.br/cadastro.html

E-magazine #255 – Vik Muniz | Tracey Emin | Yayoi Kusama

– Exposição com obras inéditas de Vik Muniz em cartaz no Rio Grande do Sul;
– “My Bed “, obra emblemática de Tracey Emin, está à venda;
– Veja três destaques da Exposição “Obsessão Infinita” de Yayoi Kusama;

E mais: notícias da semana, agenda de exposições no Brasil e no Mundo, calendário de feiras internacionais e leilões de arte, além da seção “Em cartaz”, com as principais mostras em cartaz. Para ler na íntegra, clique aqui.

Ainda não recebe gratuitamente a nossa e-magazine? Então assine: http://www.touchofclass.com.br/cadastro.html